Consumidores esperam que as marcas sejam mais humanas nas redes sociais